domingo, março 16, 2014

[Filme] Anna Karenina

Semana passada foi o dia internacional da mulher e eu assisti um filme muito interessante.


A primeira coisa que você tem que saber sobre esse filme é que ele é baseado no livro ononimo  do escritor: Liev Tolstói. 

Sinopse: Século XIX. Anna Karenina (Keira Knightley) é casada com Alexei Karenin (Jude Law), um rico funcionário do governo. Ao viajar para consolar a cunhada, que vive uma crise no casamento devido à infidelidade do marido, ela conhece o conde Vronsky (Aaron Johnson), que passa a cortejá-la. Apesar da atração que sente, Anna o repele e decide voltar para sua cidade. Entretanto, Vronsky a encontra na estação do trem, onde confessa seu amor. Anna resolve se separar de Karenin, só que o marido se recusa a lhe conceder o divórcio e ainda a impede de ver o filho deles.

Eu gostei do filme, porém ele pode ser meio chato, pois ele foi filmado "dentro" de um teatro. E juro que isso foi o tchan, pra mim.

Tirando isso, você vai encontrar alguns atores parecidos como Keira Knightley (Piratas do Caribe), Jude Law (Sherlock Holmes), Matthew Macfadyen (Orgulho e Preconceito) Domhnall Gleeson (Harry Potter e as Relíquias da Morte).

E com esse elenco de primeira não tem como não se apaixonar pelo filme.

Resumindo...Anna era uma mulher que seguia todos os dogmas da sociedade inclusive os religiosos em relação ao casamento, porém quando vai visitar o seu irmão conhece o sedutor conde Vronsky bom, seus instintos mais selvagens falam auto e ela "descumpre" todos os fatos citados acima. Na sociedade russa daquela época a mulher divorciada não tinha nem direito a guarda dos filhos, por esse motivo ela manteve o seu caso as escondidas até o marido se "encher" e mandar ela fazer uma escolha. Adivinha o que ela fez?

Depois de muita reviravolta ela está super feliz com o amante, quando de repente o cara começa a trai-la. O.o e no final... bom esse eu não vou contar. Se não cadê a graça.

Abaixo vocês conferem algumas curiosidades sobre o filme.

Curiosidades:

Inspiração
Baseado no clássico "Anna Karenina”, de Liev Tolstói.

Terreno conhecido
Anna Karenina marca o retorno do cineasta Joe Wright para as adaptações da literatura. Seus filmes Orgulho e Preconceito (2005) e Desejo e Reparação (2007) foram muito bem aceitos pela crítica e público.

Cotados
Robert Pattinson esteve cotado para interpretar o conde Vronsky.
James McAvoy foi convidado para interpretar Levin, mas recusou o papel.
Saoirse Ronan foi convidada para interpretar Kitty, mas não aceitou a proposta para poder atuar em Byzantium (2012) e A Hospedeira (2013).
Cate Blanchett, Benedict Cumberbatch e Andrea Riseborough receberam propostas para integrar o elenco, mas recusaram a oferta.

Reencontro
É o 2º filme em que Keira Knightley e Matthew Macfadyen atuam juntos. O anterior foi Orgulho e Preconceito (2005).

Fonte: Adoro Cinema

Bom é isso até a próxima.

sábado, março 08, 2014

#Apresentação

A única coisa que sei que sou é Nina. Nunca fui muito boa em dizer quem eu sou, na verdade. E Nina, porque meu nome não é Mariana. Meu apelido não é Mari. Sou a Nina, com um pouquinho de tudo. Estudo na PUCRS e estou cursando Jornalismo. Tenho pendatismo gramatical - esse toc faz com que eu não consiga enxergar um erro de português sem corrigi-lo. Sim, isso existe; sim, isso é verdade. Talvez eu devesse ser professora de Português, por que não? Sou filha, sou amiga, sou irmã, sou neta, sou dona de seis cachorros. Sou escritora, antes de tudo. Leitora, em seguida. Sou apaixonada por música, pela inspiração que ela emana. Sou apaixonada pela vida, apesar de estar sempre cansada de muita coisa. Sou abnegação. Sou muito, muito mesmo palavras. Palavras sempre. Sou cartas, sou vogais e consoantes, sou dedos no teclado. Sou Marina: muita Nina e nada de Mari. Prazer. 
Minha "coluna" aqui, cedida pelas fundadoras do blog, se chamará Cantinho da Nina (agradeçam à Dih xD). No meu cantinho, eu postarei textos com temas variados, todos escritos por mim. E sintam-se à vontade para criticá-los (sem xingamentos, é claro). Espero que gostem dessa seção!  
Love
Nina  

[Filme] Frozen: Uma aventura Congelante

Como o Oscar foi final de semana passado resolvi trazer para vocês o ganhador do Oscar de Melhor Animação e de Melhor canção Original.

Sinopse: Elsa, filha mais velha do rei e da rainha de Arendelle situado em algum lugar Noruega, nasceu com a capacidade mágica de criar gelo e neve. Um dia quando tinha 8 anos, enquanto brincava com a irmã Anna de 5, ela acidentalmente a machuca. Então Elsa esconde-se de todos para aprender a controlar seus poderes até o dia de sua coroação. Após acidentalmente condenar o reino a um inverno eterno, ela foge e auto-exila-se num castelo de gelo. Agora cabe a Anna e Kristoff, um destemido homem da montanha, partirem numa jornada para trazerem Elsa de volta a Arendelle e reverterem o inverno em verão.

Eu escolhi para assistir o filme em um dia quente de verão. Super cliche, mais enfim.Eu vi o filme, e achei ele super fofinho, como grande parte dos filmes da Disney que eu asssiti.

A questão apresentada não é apenas o do filme infantil com várias musicas, lembrando que criança só aprende cantando, quem nunca assistiu castelo Ra-tim-bum que atire a primeira pedra (quem não lembra dos Passarinhos?)

O filme fala de amor entre irmãs, mesmo que Elsa tenha machucado a irmã Ana quando pequena  e esta não se lembrar do ocorrido quando a mais velha congela tudo a irmã sai em sua busca dela e fazendo jus ao fato de ser uma aventura congelante.

E que o príncipe nem sempre é o mocinho que imaginamos, ou aquela pessoa perfeita. As vezes ele pode ser quem você menos espera.

Quanto ao Oscar, na minha humilde opinião e por ser o único de animação que assisti ele mereceu. Quanto a canção original, bom..a música Let Go é fofa e pode ser ouvida na Radio Disney com a versão da Demi Lovato.

Confira abaixo a música:

E aqui o trailer.


Até mais.